Acesso à informação





Lideranças discutem prazos de registros e vistos de empresas participantes de licitações
Escrito por Bruno Firmino    Qua, 16 de Setembro de 2020 11:31    PDF Imprimir E-mail
Destaques - Destaques
Participantes durante a 4ª Reunião do Colégio de Presidentes

No segundo dia da 4ª reunião do Colégio de Presidentes do Sistema Confea/Crea e Mútua, sob a coordenação do eng. agr. Ari Neumann, presidente do Crea-SC, as lideranças discutiram sobre prazo de registros e vistos. 

Ao tratarem da apreciação de prazos de registros e vistos de empresas participantes de licitações, o colegiado aprovou para encaminhamento à Comissão de Normas e Procedimentos (Conp) proposta apresentada pelo Crea-GO, que estabelece a dispensa de visto para fins de capacidade técnica em licitações, realizadas anteriormente à contratação e a padronização de prazos para concessão de vistos e registros no Sistema Confea/Crea.

Tratado ainda por propostas elaboradas pelos Creas do Rio de Janeiro, Maranhão e Paraná, o assunto será tema de grupo de estudos para formatação de documento que reúna as observações feitas pelos Regionais. O assunto voltará à pauta na próxima reunião do CP, marcada para os dias 28, 29 e 30 de novembro próximo.

Pela manhã também foi apresentado o Quadro de Demandas, documento que registra o trâmite das propostas feitas pelo colegiado e encaminhadas às comissões permanentes, superintendências, Conselho Diretor e Procuradoria Jurídica do Conselho Federal. Apresentado pela gerente de Relacionamentos Institucionais do Confea, Fabyola Resende, eng. eletric., o quadro  resume as demandas de 2018 a 2020 mostrando, entre outros aspectos, os temas abordados pelos presidentes regionais, entre eles, a criação de grupos de trabalho, indicação de representantes para os diversos fóruns consultivos em que o Sistema se divide, solicitação de análise para liberação de recursos financeiros e projetos de resolução e de alteração dos normativos vigentes.

A gerente Fabyola Resende apresentou a nova logomarca do Colégio de Presidentes desenvolvida pela Gerência de Comunicação (GCO). Resende compilou o trabalho realizado por sua Gerência, que inclui a viabilização de Acordos de Cooperação com outras entidades, o plano de inserção internacional do Confea e as tratativas de certificação junto às entidades estrangeiras. Fabyola ainda compartilhou com os presidentes que foi possível cadastrar as entidades de classe registradas nos Creas e homologadas no Confea, como pontos de acesso ao convênio da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). 

Auxílio financeiro 
Destacada pelo presidente do Crea-GO, eng. agr. Francisco Almeida, a proposta que trata de solicitar análise, por parte da administração do Confea, de liberação de auxílio financeiro para que os Creas promovam Programas de Demissão Voluntária (PDV), “deve ser resgatada”. Para ele, esse programa permitirá “renovação de pessoal e a modernização das atividades”. “Sem apoio, os Creas não têm como fazer isso”, disse Almeida, opinião compartilhada pela maioria dos presidentes regionais.

Com 18 de seus 27 membros no exercício do cargo de presidente, em função das eleições marcadas para o próximo dia 1º de outubro, a 4ª reunião do CP teve a participação do Superintendente de Estratégia e Gestão, do Confea, Renato Barros, que falou sobre soluções para a preparação de salas de videoconferência e sobre o acesso aos processos que tramitam por meio do Serviço Eletrônico de Informações (SEI). 

Ao informar sobre as salas de videoconferência – recurso muito utilizado em função da pandemia –, Barros informou que está para ser assinado contrato com empresa terceirizada que fornecerá os softwares a serem disponibilizados a 23 Creas, uma vez que quatro dos regionais já têm suas plataformas. “Teremos 60 salas, mas podemos chegar a 120, o contrato é de três anos”, informou o superintendente.

Sobre os eventos técnicos agendados antes da pandemia e que seriam realizados presencialmente, Barros informou que serão virtuais os encontros do pessoal da Tecnologia da Informação (TI), marcado para o próximo dia 07 de outubro, e das equipes de assessores parlamentares, dia 19 de novembro, além do evento que será realizado nos dias 21 e 22 de outubro e que vai tratar do planejamento e gestão do Sistema Confea/Crea.  

Ainda pela manhã, o colegiado decidiu que a 5ª reunião do CP – marcada para ser realizada em São Paulo (SP), nos próximos dias 28 a 30 de outubro – terá formato híbrido e será realizada de forma semipresencial. Os presidentes que preferirem podem participar por videoconferência, os que optarem pelo modo presencial “serão bem recebidos, com todos os cuidados sanitários exigidos”, afirmou Lenita Brandão, no exercício do cargo de presidente do regional paulista.

Fernanda Pimentel e Maria Helena de Carvalho
Equipe de Comunicação do Confea